QUATRO LIVROS QUE ESTOU LENDO NO MOMENTO

stack-of-books-1001655_1920

Eu amo ler, gosto da magia que os livros tem e o poder de transformar seu dia , de te levar a lugares únicos e conhecer pessoas diferentes (seja real ou personagem). só que eu tenho um problema, bom não sei se é muito bem um problema, mas eu me canso fácil das coisas em geral, e com os livros não é diferente! No momento eu estou lendo 4 livros, assim sempre que uma história começa a ficar cansativa eu pulo pra outra, e assim surge o ciclo dos livros e das histórias infinitas.

Os quatro livros que estou lendo são bem diferentes e isso ajuda a diminuir o cansaço, olha só minha listinha:

Leia mais »

A IMPROVÁVEL TEORIA DE ANA E ZAK

dsc05453

Sabe aquela velha história de “não julgue um livro pela capa” ? Pois bem, isso acontece com freqüência comigo, se não gosto da capa existe 50% de chances de nem me interessar pela história. Porém, o que me conquistou em ” A improvável teoria de Ana e Zak” foi justamente a capa e o verso do livro. Com cores, desenhos, e informações básicas a capa e o verso relata exatamente o que você irá encontrar nas 319 páginas!

dsc05455
A história deste livro é de uma garota chamada Ana que estuda demais, tem todo seu futuro planejado e já fora aceita em quatro faculdades dos EUA.Um dia, ela e seu irmão Clayton vão para uma competição da qual sua escola está participando em Seattle . Já Zak é um garoto que não está se importando muito com seu futuro e com seus estudos, ele decide participar da competição apenas para ir a Washingcon( uma convenção de ficção científica) que também esta acontecendo em Seattle.  Quando Clayton descobre que existe essa convenção ele acaba fugindo do hotel. Ana pede ajuda de Zak, já que ele conhece aquele lugar muito bem, e assim toda a história começa a surgir. Um livro cheio de aventuras, dramas e romance!

dsc05456O livro acontece em 24h, a cada capítulo alguém narra, ora é Zak ora é Ana. Isso é muito bacana porque da para se aproximar ainda mais do personagem e se interar de seus sentimentos e sensações.dsc05457
É um clichê básico onde o garoto está afim da garota mas tem medo de demonstrar, mas ainda sim vale muito a pena ler! Se você é fã de romance adolescente e coisas nerds, eu indico muito.

Mas e aí, conhece este livro? Alguém já leu? Se sim, conte-me o que achou.

Beijos da Gii.

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM

COLEÇÃO LIVROS HARRY POTTER

DSC05196

Toda sexta feira eu trago resenha de filmes, séries ou livros aqui no blog, mas fazia um tempo  que as resenhas de livros não apareciam por aqui, por isso decidi trazer uma mais que especial pois será sobre Harry Potter

Quem me conhece sabe da minha paixão por HP, lembro que a primeira vez que assisti “Harry Potter e a Pedra Filosofia” foi na escola e era em fita VHS. No primeiro instante que vi o baby Harry com aquela cicatriz na testa eu me encantei, não sei explicar, sei que Harry Potter é algo que não consigo ficar sem.

DSC05199

Para os fãs, nada mais perfeito do que ter aquele Box de livros ou DVDs da sua história favorita, não é mesmo? Assim que o Box de Livros de Harry Potter foi lançado eu fiquei apaixonada, não só porque queria todos os livros, mas também porque formava a imagem do castelo de Hogwarts! Eis que meu amado namorado resolveu me dar de presente de dia dos namorados ❤DSC05201

O Box é lindo e claro que o deixo na minha prateleira para decorar o meu quarto. As capas dos livros também são lindas e as ilustrações feitas por Mary GrandPré dão mais vida às capas e páginas de um novo capítulo.

DSC05205
Como não se apaixonar por esse Dobby gente ? ❤

Caso nunca tenha lido nenhum livro da saga e apenas assistido o filme, eu recomendo muito que leia, não porque o “livro sempre é melhor que o filme”, mas porque várias coisas deixam de ser explicadas com profundidade nos filmes, já no livro nada é deixado de lado.

Você pode adquirir o box nas livrarias ou online, sempre acontece de estar em promoção na Saraiva ou Submarino!

Se você gosta de Harry Potter você não irá se arrepender de comprar este item, sério! Além de ser extremamente bonito, você poderá embarcar sempre que quiser no expresso de Hogwarts e vivenciar um pouco do mundo da magia!

Beijos da Gii

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM

Livro: Como eu era antes de você

Eu estou procurando, ainda, palavras suficientes que possam descrever o que eu senti com este livro, mas está difícil!

DSC04788

Como Eu Era Antes de Você é um livro, escrito pela inglesa Jojo Moyes ,que conta a história de Louisa Clark, uma garota de vinte e seis anos que não tem muitas ambições, ela acabara de ser despedida do café onde trabalhava como garçonete a seis anos, e agora está procurando um novo emprego. Lou acaba decidindo tentar a vaga de cuidadora de um tetraplégico, no começo ela não sabia como cuidar de alguém nestas condições, mas precisava do dinheiro para ajudar sua família. Quando ela chega na casa de Will, o rapaz de quem ela cuidaria, ela encontra um homem com seus trinta e poucos anos em uma cadeira de rodas e totalmente diferente do que ela imaginava.
Will havia sofrido um acidente enquanto atravessava a rua há dois anos, o que o deixou naquele estado. Ele odiava, profundamente aquela vida. Depender dos outros para tudo era algo que o incomodava, além de Lou falar demais. Com o passar do tempo eles acabam se conectando e Lou tem um objetivo de ajudar Will se apaixonar pela vida novamente.

Sei que estava evitando romances, mas depois que vi o trailer do filme que é baseado no livro ( se ainda não viu, veja ai embaixo), decidi ler antes da estreia do filme.

Este livro me despertou algo que nunca havia sentido antes, eu me apego realmente as historias e acabo me entregando, vivo cada frase que leio, me imagino ali como personagem principal e tudo mais… Mas, “Como Eu Era Antes de Você” foi além, eu não conseguia parar de ler, precisava saber como Will estava, queria cuidar dele junto com Lou, me preocupava com o que ela estava passando e como a história iria acabar, eles eram meus amigos e até senti uma saudade enorme quando tive que ir pra faculdade e parar de ler. Foi algo inédito!
A história é linda, um pouco clichê e até dá para adivinhar no que vai acontecer, mas Jojo escreve com tanto amor e detalhadamente que eu me encantei por tudo, pelo cenário, pelas paisagens, pelas roupas que Lou usa, pelo cabelo de Will…

Ainda estou emocionada com toda a história e sentindo falta dos personagens ( isso porque só fazem 24 hr que terminei de ler).Eu diria que este se tornou o meu livro favorito, da vida! E você, já leu? Se sim, me conte o que achou. Se não, leia. Você não vai se arrepender.

Beijos da Gii.

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM

O Quarto de Jack (Livro + Filme)

PicMonkey Collage

Quando vi o trailer de “O Quarto de Jack” fiquei extremamente empolgada para assistir, ultimamente tenho deixado o romance um pouco de lado e me aventurado em filmes que envolvem drama e suspense, mas quando soube que o longa era uma adaptação do livro “Quarto” de Emma Donoghue, lançado em 2010, eu decidi ler antes de assistir.

“Quarto” conta  história de Jack , um garoto de cinco anos que vive com sua mãe em um quarto. Todas as experiências e vivências acontece somente dentro dessas paredes. Sua mãe vive lá desde que fora raptada pelo Velho Nick, como Jack o chama, há sete anos. Todas as noites esse homem vem visita-la e Jack fica dentro de seu guarda roupa protegido.
Mesmo morando em um pequeno espaço, Jack e sua mãe conseguem usar a criatividade e passar o tempo lá. Para ele o que existe fora do quarto é o espaço sideral. Há sete anos vivendo como uma prisioneira, ela decide criar um plano de fuga e Jack seria o único a ajudá-la.

O livro é narrado pelo menino, então é uma leitura tranquila, não tem palavras difíceis ou coisas do tipo, mas consegue ser exaustiva devido a repetição de acontecimentos. Os capítulos contam desde a hora que eles acordam até a hora que vão dormir, detalhando uma rotina que já foi dita na página anterior. Eles leem, assistem TV, afastam os móveis, comem nos horários permitidos, tomam banho… Enfim, você já sabe tudo o que aconteceu antes e o que vai acontecer quando ele acordar. Por isso o livro é chato, como li a versão de e-book, não consegui nem chegar aos 30% da leitura (segundo o próprio Kindle), de tão cansativo que é.

Como o livro não me despertou nada de muito interessante decidi assistir o filme. ele foi lançado no começo deste ano (2016) e é baseado na história acima e infelizmente minha experiência foi tão ruim quanto a do livro.  Quando comecei a assistir o filme me desapontei com algumas coisas, mas a culpa é minha, já que sempre imagino o cenário e personagens completamente diferentes, mas tirando isso… O filme é tão parado quanto o livro, pelo menos no começo, em 20 minutos eu já estava com tédio e prestava atenção em tudo a minha volta, exceto na história.
 Eu não terminei nenhum dos dois, não foi algo que me cativou ao ponto de querer me aprofundar de vez na história, por mais que pareça interessante.

Você já assistiu ou leu? Se sim, me conte o que achou, quem sabe não mudo de opinião e decido continuar.

Beijos da Gii

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM

A Garota no Trem

DSC04572

Desde que comprei um Kindle – foi em 2014- o acesso por novos livros ficou muito mais fácil. Sempre sai algum eBook novo, mas fazia tempo que eu não encontrava algo tão bom quanto “A Garota no Trem”, toda vez que procuro algo para ler encontro histórias de amor vazias, textos rasos sem emoções e quase sempre são: um capitulo de amor, um de briga e um de sexo, e assim até acabar a história. Monótono! Eu não gosto disso sabe, quando eu vou ler algo eu me jogo, me orno o personagem principal, vivo aquilo intensamente. Acho que só esse ano –que nem começou direito- eu já desisti de uns cinco,seis livros, mas isso mudou quando decidi dar uma chance ao livro de Paula Hawkins.

 A Garota no Trem é um livro de suspense que exige muita atenção, já que há três mulheres que contam suas histórias neste livro. Sim, três mulheres: Rachel, Anna e Megan, todas elas estão conectadas de alguma maneira. Antes de o capítulo começar em cima vem escrito de quem é “cena” a seguir. No começo eu fiquei bastante confusa porque achava que os nomes eram apenas títulos dos capítulos e que cada um seria o nome de alguém, mas na verdade não, então eu fiquei perdida, mas consegui me achar na leitura (desculpe pela lerdeza).

» Tudo começa com Rachel, uma mulher divorciada que vive no apartamento de sua amiga de faculdade,  ela tem por volta de seus trinta e poucos anos e acabou de ser demitida. Sua vida não é nada empolgante, ela é uma alcoólatra que usa a bebida para esconder sua dor, afinal ser deixada pelo amor de sua vida após anos e anos juntos não é muito legal. Todo dia ela pega o mesmo trem com destino a Londres por volta das oito da manhã, durante o trajeto ela se depara com as mesmas paisagens: casas,  galpões, caixas d’água… Mas uma casa em particular sempre se tornou sua favorita, a casa de número 15. Lá vive um casal de jovens, Rachel vê sempre aquele casal, desde que eles se mudaram para lá, então é como se cada dia fosse um capítulo da novela de “Jess e Jason” , ela mesmo decidi dar esses nomes à eles-. Rachel imagina uma vida perfeita para o casal, com muito romance e momentos fofos, mas isso tudo muda quando um dia ela vê “Jess” beijando outro rapaz. Dia depois Rachel descobre que Jess na verdade se chama Megan e que ela está desaparecida. Ela então decide contar para a polícia o que viu um rapaz com a garota um dia antes de ela sumir, mas acaba se envolvendo demais na história quando Anna, a atual mulher de seu ex-marido e vizinha de Rachel, conta para a polícia que Rachel estava embriagada e em sua rua quando Megan sumiu. Por conta do seu vício, ela sofre de amnésia alcoólica, onde não se lembra de nada o que ocorrera na noite anterior.
 Será que Rachel é culpada ou apenas uma vítima da frase “lugar errado na hora errado” ?

Eu simplesmente me empolguei demais com este livro, eu comecei a ler e não conseguia mais parar. Gosto muito de suspense, ainda mais quando envolve morte ou desaparecimento. O mais legal é que ao ver a vida sendo narrada pelas personagens, você nota que Megan e Rachel têm quase o mesmo perfil, ambas são cheias de problemas e tentam superar.

Curiosidade: Pesquisando um pouco mais sobre o livro e autora, descobri que este ano começam as gravações para o filme baseado na história. Se estou empolgada com isso? Não vou mentir e fingir ser aquelas pessoas que odeiam adaptações, porque para ser bem sincera eu simplesmente AMO adaptações! Sei que sofro porque os filmes não são tão fiéis às paginas impressas, mas mesmo assim é interessante.

Se você gosta de suspense e de livros fora do clichê, eu recomendo MUITO “A Garota no Trem”, você não vai se arrepender.
Agora, se já leu comente aí o que achou, ou se tiver mais livros de suspense para me indicar… Eu aceito!Sem-Título-1

Não se Ilude Não!

Fazia tempo que não trazia uma resenha de livro para o blog, mas isso não quer dizer que não estou lendo viu! É que depois que comprei o Kindle (farei um post sobre este e-reader perfeito) eu acabo lendo vários livros e esquecendo de contar aqui, mas vou mudar isso, juro!

DSC04002

Enfim, a resenha de hoje é do livro “Não se Ilude Não” da Isabela Freitas, mesma autora do “Não se apega não” (resenha aqui), ganhei de aniversário de um amigo, ainda bem porque estava louca para ler a continuação das aventuras da Isabela.

Neste segundo livro, Isabela vai viajar com os amigos para Costa do Sauipe , acaba conhecendo um garoto lindo e se envolvendo com ele, Gabriel. Além disso sua relação com Pedro, seu melhor amigo, está um poco complicada. Isabela tem que enfrentar mil coisas durante esta viagem, lidar com a prima que é uma sem vergonha, com o fato do seu melhor amigo estar distante e namorar a prima dela; lidar com um novo sentimento e com Gabriel; conseguir um emprego na editora e tentar finalmente lançar seu livro… Dá pra imaginar o turbilhão de coisas que está garota está sentindo não é ? Por isso ela decidi criar um blog e compartilhar suas histórias.

O livro mistura as páginas do blog com os momentos em sua vida, cada post relata um acontecimento, que quase sempre é babado.

Isabela Freitas fez um ótimo trabalho! Continua transmitindo em suas páginas os conselhos que toda garota precisa ouvir, todas as verdades e aposto que você irá se encaixar em pelo menos uma situação. Sem contar algumas frases das quais me da vontade de grifar,mas se eu fizer isso, metade do livro será colorido.

Se você leu o primeiro, vai adorar a continuação e sentir um pouquinho de cada coisa pelo qual a Isa está passando, é impossível não se envolver!

Beijos da Gii

Billy e Eu

10912936_916922741651068_1495378767_n

Billy e Eu é um livro apaixonante!

A história é narrada em primeira pessoa, ou seja, pela Sophie. Uma garota que passou por alguns grandes problemas na vida. Perdeu seu pai quando criança, logo depois teve que cuidar de sua mãe com depressão e isso acabou afetando quem ela era. Sophie deixou de andar com os ‘amigos’ de sua escola, se afastou de tudo e todos. Assim que se formou decidiu não começar uma faculdade, e acabou arrumando emprego em uma loja de Chá e Bolos em sua cidade.
Sophie descobriu lá o que queria pra vida e encontrou uma grande amiga, Molly a senhora dona da loja. Nada de diferente acontecia na cidadezinha do interior da Inglaterra, até que uma equipe de filmagens decide gravar “Orgulho e Preconceito” lá. O galã de todas as grotas teens é o personagem principal, Billy que um dia entra na loja para passar o texto, em uma mesa afastada, e acaba se encantando pelo jeito de Sophie, ainda mais por ela não saber quem ele é. Billy pede pra Sophie passar o texto com ele, e assim surge uma grande amizade que logo vira um lindo romance.
Ela sempre foi acostumada a viver em uma cidade pequena e com coisas simples. De repente se vê morando em Londres, ao lado de um astro de cinema, e ainda tem lhe dar com a fama, o assessor chato de Billy e toda a mídia.

Billy e Eu foi escrito por Giovanna Fletcher, mulher do cantor Tom Fletcher da banda McFly e foi justamente isso que me fez comprar o livro. Sempre fui fã da banda e sabia que ela tinha lançado um livro, estava andando na livraria quando vi o nome dela e decidi comprar, sem ao menos saber a sinopse. Durante a leitura, percebi que Sophie tinha um pouco de Giovanna, que por ser casada com um cara famoso enfrenta até hoje vários problemas e criticas.

Dividido em quatro partes representando cada fase que Sophie esta passando. A leitura é bem gostosa, e é daqueles livros que você não tem vontade de largar um segundo, você acaba se entregando e logo parece que é você que está vivendo tudo aquilo.

Eu me encantei li o livro em três dias, e fiquei chateada – como sempre- assim que chegou ao fim. Espero que ela escreva mais livros, em breve, e que receba todo o sucesso merecido.

Não se apega, não.

DSC03589

“Não se apega, não” é um livro maravilhoso escrito pela Isabela Freitas, uma jovem de Juiz de Fora- MG.
Isabela é o nome da personagem principal. Talvez seja ela em alguns momentos, ou só coincidência, mas o mais importante são as histórias que ela conta. Um livro onde retrata os casos de Isabela e de como ela ‘superou’ ou entendeu o que cada um significava, e é com essas histórias sempre acompanhadas de uma boa moral, que torna o livro perfeito.

Eu não conhecia a história até uma amiga me enviar as duas primeiras páginas no Whatsapp, e foi assim que me encantei, queria comprar, mas o melhor foi quando ganhei de presente de outra amiga. Fica a dica: Amo receber livros.DSC03591

Não tinha uma escritora brasileira favorita até ler este livro. Sabe aquela melhor amiga que te diz a verdade e não aquilo que você deseja ouvir? É este livro, ou melhor, a personagem que também se chama Isabela. Quanto mais lia, mais me identificava. Já passei por quase todas as situações que ela também passou, mas no final sempre tem um conselho ou algo que fale: “Ei, aconteceu isso, mas bola pra frente”.

Se você gosta de romance e de um ‘casos e acasos da vida’ vale a pena ler este livro. Cada linha, cada página, tem uma frase que você quer grifar, escrever na parede, tatuar… Aiai, é lindinho demais, e mal posso esperar pelo segundo \o/